Rio de Janeiro: Feira literária lançará obras sobre cultura africana e afro-brasileira

0
333

Neste domingo (21), serão lançadas algumas obras sobre cultura africana e afro-brasileira durante a Primavera Literária, no Museu da República, no Rio de Janeiro.

Editado no Brasil pela Viajante do Tempo, Yennega é uma figura emblemática em Burkina Faso, uma guerreira, mulher livre de mente independente. A história escrita por Yann Dégruel se passa em um reino da África Ocidental.

Editada pela Quase Oito, em Okan, obra inspirada nas memórias afro-brasileiras, a autora Luciana Nabuco pinta e escreve a história do menino Mandu, que ouvindo seu coração, realiza uma corrida transformadora. Okan destaca um universo mítico com a presença de divindades de religiões de matrizes africanas.

 

Sobre a Primavera Literária

A 18ª Primavera Literária acontece entre os dias 18 e 21 de outubro. Promovido pela Liga Brasileira de Editoras (Libre), o evento oferece mais de 100 atividades culturais com entrada franca.

Serviço:
R. do Catete, 153 – Catete, Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
Das 10h às 18h
Veja a programação aqui 

Ilustração de Okan – Divulgação